carregando

Aguarde, carregando o sistema...

Formulário de Contato

carregando

Central de atendimento
SAC: 92 3659-1900 / 99222-1900
E-mail: dentaly@dentaly.com.br
Horário de Atendimento: 08:00 às 12:00 e de 14:00 às 19:00

Faça um tour virtual em nossa empresa

Toque ou clique e arraste para ver em volta.

DENTALY - INSTITUTO DE SAÚDE E ESTÉTICA BUCAL

Contatos Dentaly

telefone

92 3659-1900 / 99222-1900

email

dentaly@dentaly.com.br

 capa: Saiba mais sobre a captação de células-tronco do dente de leite

Saiba mais sobre a captação de células-tronco do dente de leite

01/10/2018

O avanço da tecnologia tem se concretizado nos mais vários segmentos da ciência. Em especial, na medicina e na odontologia, essas novas descobertas viabilizam a melhoria da qualidade de vida por meio de sistemas preventivos. Nesse contexto, a utilização das células tronco do dente de leite para garantir o tratamento de doenças futuras tem ganhado destaque nos últimos anos.

Pensando nisso, elencamos para você alguns esclarecimentos acerca de como ocorre o procedimento de captação celular e quais benefícios ele pode representar, tanto para a criança quanto para a família. Não deixe de conferir!

Mas, afinal, o que são células-tronco?

São tipos de células que dão origem a todos os órgãos e tecidos do corpo humano, uma vez que têm capacidade de diferenciação. Outra propriedade importante que elas apresentam — e que tem possibilitado o avanço dos estudos para a cura de doenças — é seu efeito regenerativo.

Nos últimos anos, as pesquisas acerca de células-tronco captadas de dentes de leite têm se popularizado. Por meio delas, importantes recursos terapêuticos têm sido desenvolvidos, contribuindo para o tratamento de complicações, até então, incuráveis.

Como é o procedimento de captação?

As chamadas células-tronco mesenquimais multipotentes são encontradas na polpa do dente de leite da criança. O processo de obtenção pode ser realizado em crianças entre 5 e 12 anos, de forma natural e não invasiva, aproveitando o período de troca dos dentes que ocorre nessa faixa etária.

Após a extração, o dente será colocado em tubos que irão manter o material coletado em uma temperatura média de -196ºC. As células-tronco poderão permanecer assim por tempo indeterminado, para serem mantidas e multiplicadas. 

Vale ressaltar que é importante que o procedimento seja feito por um profissional da odontologia que esteja devidamente preparado para acompanhar todos os processos.

Qual a diferença entre as células-tronco do cordão umbilical e as do dente de leite?

Em primeiro lugar, existem tipos diferentes de células-tronco, ainda que possuam características comuns. A variação entre elas reside na capacidade de formar tecidos e órgãos do nosso corpo. Basicamente, é isso o que diferencia as células do dente e as do cordão.

As células-tronco encontradas no cordão umbilical são retiradas logo após o parto e possuem potencialidade de diferenciação para células do sangue. Ou seja, podem se transformar em hemácias, glóbulos brancos e plaquetas. Portanto, já são utilizadas para a cura e para o tratamento de diversas doenças como leucemia e anemia. 

Entretanto, a célula-tronco do dente de leite possui uma característica especial, uma vez que pode se diferenciar em várias outras células do corpo humano tais como: Músculos, ossos, tecidos nervosos e cardíacos. Portanto, as células-tronco do dente de leite superam em vantagens as obtidas a partir do cordão umbilical.

Que benefícios a captação de células-tronco vislumbra?

As células-tronco são a promessa para a cura de diversas doenças que podem se manifestar tanto na criança quanto na família. Uma das grandes áreas de pesquisa dentro desse campo — e que tem atingido avanços notórios — é a de doenças autoimunes.

Essas complicações decorrem da falha do próprio sistema imunológico que, enquanto deveria proteger e defender o nosso organismo, ataca-o. Além dessas, há inúmeras outras vertentes que têm recebido atenção de especialistas, como os tratamentos efetivos contra doenças cardíacas, alguns tipos de câncer e más-formações. Dentre os avanços, se encontram:

1. Diabetes tipo 1

O diabetes tipo 1 ocorre a partir da destruição, pelo próprio sistema imunológico, de células que produzem insulina no pâncreas. A consequência desse fato é a hiperglicemia.

Entretanto, estudo recente publicado na revista Frontier of Endocrinology aponta que o transplante de células-tronco pode ser eficiente contra o problema. Estimou-se que 84% dos pacientes submetidos ao tratamento ficaram livres da insulina e tiveram sequelas minimizadas em relação aos não submetidos.

2. Artrite reumatoide

Trata-se de uma doença inflamatória crônica e progressiva que ataca as articulações do corpo. Atinge, principalmente, adultos em idade entre 40 e 60 anos.

Cientistas constataram a melhoria dos sintomas da artrite pela administração de células nas cartilagens danificadas. As pesquisas estão avançando para o tratamento a partir desse mesmo material, e há grandes esperanças de cura.

3. Lúpus

O lúpus é uma doença progressiva em que o sistema imunológico ataca vários tecidos do corpo, produzindo consequências sérias à pele, ao coração, ao sistema nervoso e a diversas partes do corpo. O transplante de células-tronco para pacientes que possuem o problema melhora o quadro clínico e diminui o risco de osteoporose.

Além disso, por suas propriedades mediadoras, as células-tronco podem auxiliar no melhoramento da resposta anormal do sistema imunológico do paciente, promovendo a diferenciação e o aumento de células do próprio corpo.

Esses fatores podem trazer benefícios dermatológicos, assim como auxílio na mobilidade das juntas, minimização das dores e da progressão da doença. 

4. Esclerose múltipla

Assim como as doenças mencionadas acima, a esclerose caracteriza-se pela progressividade. Portanto, as células-tronco conseguirão auxiliar no tratamento e reverter de maneira temporária os efeitos e os sintomas da doença, aumentando a qualidade de vida do paciente.

O uso das células, nesse caso, poderá contribuir para as funções motoras, para o equilíbrio e a coordenação. Além disso, minimizará as dores e a fadiga.

5. Parkinson

A principal causa para o Parkinson é a morte de células cerebrais. Principalmente, na área conhecida como substância negra, que é responsável por produzir o neurotransmissor que controla os movimentos.

A terapia com células-tronco é promissora no meio científico, uma vez que está atrelada à falha de um tipo muito específico de célula que não cumpre devidamente a sua função.

As vantagens da extração precoce dessas células são várias. Além das doenças mencionadas, há inúmeras outras em fase de pesquisa, em que se tem esperança de tratamento e cura. 

Por esse motivo, tem se tornado cada vez mais popular a captação de células-tronco do dente de leite. É um processo simples e pouco invasivo, que pode trazer um futuro seguro, com a promessa de vida plena e saudável.

E, então? Gostou do nosso artigo? Que tal, agora, entender melhor sobre como escolher o dentista para o seu filho?


Mais Notícias




Notícias em Destaque

© Todos os Direitos Reservados. Dentaly 2018

Logo casa dos sites

Desenvolvido por:

DENTALY - INSTITUTO DE SAÚDE E ESTÉTICA BUCAL DENTALY - INSTITUTO DE SAÚDE E ESTÉTICA BUCAL Soluções Completas em Odontologia - Um instituto que é mais que uma clínica odontológica, é uma equipe multidisciplinar de dentistas com estrutura para atender todos os tipos de questões para saúde e estética bucal. +55 92 3659-1900 +55 92 99222-1900 dentaly@dentaly.com.br

Av.Constantino Nery, nº 2789, Edificio Empire Center - 7º andar 69055038 Manaus Amazonas Brazil